Toyota RAV4 2.5 Hybrid Black Edition

Mais irreverência

TESTE

Por Vítor Mendes da Silva 20-06-2021 07:00

Fotos: Gonçalo Martins

Como se o tamanho avantajado e as linhas muito modernas não bastassem à imagem do RAV4, a Toyota criou traje escuro à medida para ocasião solene. O lançamento de nova edição Black Edition, claramente dirigida a clientela que procura expressar mais alguma irreverência através do automóvel que conduz, também pretende assinalar a boa performance comercial do SUV japonês – o mais vendido no Mundo, ultrapassando os 10 milhões de unidades transacionadas desde a primeira geração.

A ‘vestimenta’ especial inclui elementos decorativos exclusivos em preto na carroçaria, na grelha dianteira, nos puxadores das portas, nas capas dos espelhos e no spoiler traseiro. A pintura exterior Preto Atitude e as jantes em liga leve de 19 polegadas em preto brilhante completam o figurino. No resto, é o estilizado SUV da marca japonesa, na versão híbrida, sem tirar nem pôr.

Começando pela motorização de 218 cv de potência, que associa bloco térmico de 2,5 litros a gasolina e unidade elétrica que a auxilia na propulsão do veículo, mas assumindo-a, em exclusivo, por períodos breves. A tração é apenas às rodas da frente via solução de transmissão de efeito CVT, mais célere na resposta às solicitações do pedal do lado direito e também sem o ruído de arrasto que conferia antes à mecânica em aceleração.

A resposta do sistema híbrido, com três diferentes modos de condução (Sport, Normal e Eco), está nesta geração recente mais linear e decidida, ainda que o RAV4 de ‘racing’ tenha apenas a estética.

O SUV japonês tem outras pretensões, é automóvel familiar claramente mais preocupado em oferecer condução fluida e relaxada, fácil, em ambiente urbano e com conforto acima da média em autoestrada, a que junta consumos muitíssimo convincentes.

Na urbe é possível completar algumas centenas de metros em modo 100% elétrico, mas não é fácil fazê-lo mesmo carregando no botão EV, já que para tal a bateria tem de estar perto do seu estado máximo de carga, e há que pisar o acelerador muito levemente. Acima de tudo, a fórmula de hibridização da Toyota está pensada para oferecer um ótimo compromisso entre prestações e eficiência no consumo de combustível, com média de 5,5 l/100 km.

A alimentação do sistema híbrido faz-se durante a condução, nas desacelerações e travagens – deslocando-se o punho da caixa de «D» para «B», melhora-se a capacidade de regeneração de energia, o que vai permitindo esticar os tempos de condução à vela.

Em geral, gostámos do desempenho dinâmico do RAV4, um automóvel que se pode conduzir a ritmos mais elevados sem que sintamos oscilações demasiado pronunciadas da carroçaria. O SUV japonês competente na maior parte das ocasiões e silencioso no contacto com a estrada.

Nesta 5.ª geração do RAV4 (a 1.ª remonta a 1994), a nova plataforma TNGA-K permitiu ganho de 3 cm entre eixos, com as baterias colocadas sob o banco traseiro, sem retirar espaço à mala de dimensões recorde na categoria, chegando aos 580 litros na configuração ‘standart’ de cinco lugares a bordo. 

No interior, o ambiente condiz com o exterior. Design moderno, sistema de infoentretenimento evoluído, com menus específicos para a condução híbrida em monitor tátil ligeiramente inclinado para o condutor, com a inclusão de bancos em couro sintético em preto com costuras cinza e forro do tejadilho preto. Ainda de série no Black Edition, teto panorâmico com abertura elétrica, sistema de som JBL, câmara panorâmica 360 graus, sistema de navegação, carregador sem fios para smartphone, vidros traseiros escurecidos, sensor de luz e chuva e sistema de abertura elétrica do portão da bagageira.

O SUV também permite também a integração com smartphone via Apple CarPlay e Android Auto, não abdicando das tecnologias mais avançadas, desde alerta de faixa (correção automática incluída), ângulo morto, radares, sensores e câmaras, além do sistema de pré-colisão (deteção de peões e travagem) e do cruise-control ativo, com todos os itens do completíssimo pacote Toyota Safety Sense. Os preços arrancam nos 49.725 €.

Ler Mais

Ficha Técnica

Caracteristicas

TOYOTA RAV4

2.5 Hybrid Black Edition

Motor térmico
Arquitetura 4 cilindros em linha
Capacidade 2487 cc
Alimentação Injeção direta
Distribuição 2 a.c.c./16 v
Potência 178 cv/5700 rpm
Binário 221 Nm/3600-5200 rpm
Motor elétrico
Tipo -
Potência 120 cv
Binário 202 Nm
Bateria Hidretos metálicos de níquel
Capacidade da bateria
Módulo Híbrido
Potência 218 cv
Binário -
Transmissão
Tração Dianteira
Caixa de velocidades Automática, direta, do tipo ECVT
Chassis
Suspensão F Ind. McPherson
Suspensão T Duplos triângulos
Travões F/T Discos ventilados
Direção/Diâmetro de viragem Elétrica/11 m
Dimensões e Capacidades
Compr./Largura/Altura 4,600/1,855/1,685 m
Distância entre eixos 2,69m
Mala 580-1690 litros
Depósito de combustível 55 litros
Pneus F 225/60 R18
Pneus T 225/60 R18
Peso 1750 kg
Relação peso/potência -
Prestações e consumos oficiais
Vel. máxima 180 km/h
Acel. 0-100 km/h 5,4 s
Consumo médio 5,6 l/100 km
Emissões de CO2 128 g/km
Garantias/Manutenção
Mecânica 7 anos ou 160.000 km
Pintura/Corrosão 3/12 anos
Intervalos entre revisões 15000 km
Imposto de circulação (IUC) 204,81 €

Medições

TOYOTA

Acelerações
0-50 km/h 3,3 s
0-100 / 130 km/h 8,2 s
0-400 / 0-1000 m 16 s
Recuperações
40-80 km/h (D) 3,5 s
60-100 km/h (D) 4,4 s
80-120 km/h (D) 5,3 s
Travagem
100-0/50-0km/h 39,3/9,5 m
Consumos
Consumo médio 5,5 l/100km
Autonomia 982 km

Conte-nos a sua opinião 0

TESTE