Nissan Navara N-Guard

Imagem reforçada

TESTE

Por João Ouro 14-04-2019 09:00

Fotos: Gonçalo Martins

Face à geração anterior, a pick-up Navara obteve várias melhorias, quer ao nível dos equipamentos, quer na condução propriamente dita. E essa é uma estória que conta... e da qual a nova versão N-Guard também passará a fazer parte, corroborando esses argumentos, até porque exibe uma imagem exterior aventureira e alguns detalhes inéditos, inclusive com acabamentos a negro. Na grelha frontal, na moldura dos faróis e dos retrovisores, e ainda nos puxadores das portas, no para-choques traseiro e nas barras longitudinais do tejadilho.

Outra diferença essencial reside nas jantes escurecidas em liga leve de 18’’, associadas a pneus Continental Conti Cross Contact com as medidas 255/60 (mistos). O teto de abrir elétrico (panorâmico) com vidro escuro também é de série, assim como a decoração específica (decalques a negro) junto aos estribos laterais, na base das portas, que se prolonga até à caixa de carga, sendo possível combiná-la com três cores de carroçaria (cinzento Dark, preto Metallic e branco Storm). Para que conste.

Além da imagem diferente, a N-Guard adota alguns equipamentos exclusivos, apenas inferior à listagem proposta pela versão Tekna, a mais cara da gama e na qual até se baseia. Destacam-se os bancos forrados parcialmente a couro (com pespontos a amarelo, extensivos aos tapetes, painéis das portas e apoio de braços), os da frente com função de aquecimento e o do condutor com ajustes por comando elétrico (8 regulações). Acrescentam-se ainda os faróis LED com ativação automática, assim como o sistema de navegação 3D (ecrã tátil no topo do tablier) e o ar condicionado automático bizona, entre outros luxos.

A câmara inteligente de marcha-atrás (360º) e os sensores traseiros são dispositivos bastante úteis para as manobras de parqueamento, até porque as dimensões não são nada fáceis (acima de 5,30 m) e a capacidade de brecagem é diminuta (12,4 m). Todo o cuidado é pouco para que não haja percalços inesperados, em especial junto à caixa de carga, exigindo até um certo esforço mediante o peso da assistência da direção.

Aliás, a dureza da condução é extensiva aos outros comandos, muito por culpa da pressão que é necessário efetuar nos pedais e no seletor da caixa manual. Ou seja, algo que é típico neste género de veículos, mesmo que os sintomas estejam agora mais atenuados e as reações dinâmicas quase se equivalem às das dos SUV.

É claro que o formato pick-up e as próprias dimensões aumentam a resistência aerodinâmica, algo que não é fácil de contornar, embora a força do motor 2.3 dCi (450 Nm às 1500 rpm) seja de levar em conta. E aí já é outra estória, que se traduz pela excelente progressão em estrada e... fora dela, neste último caso com possível permuta entre 2WD (tração traseira) e 4H (integral), incluindo modo de redutoras (4LO) e Hill Descend Control para descidas íngremes.

A eficácia em terrenos difíceis é... fácil, mesmo que as reações sejam firmes; entende-se que assim seja, num veículo que não exclui a vertente do lazer (até pela estética), mas que é essencialmente uma peça destinada ao mundo laboral, justificando-se, por vezes, o menor conforto obtido em estrada regular. Aliás, nos asfaltos degradados há reações trepidantes por parte da suspensão, e isto apesar do eixo multibraços atrás, algo que se percebe com maior evidência nos lugares traseiros.

A típica configuração de cabine dupla e a lotação para 5 ocupantes é vantajosa, embora os utentes da 2.ª fila fiquem com as pernas e os joelhos numa posição mais elevada, sem muito apoio, por culpa da curta distância entre a base dos assentos e o chão do habitáculo. Resta dizer que a plataforma de carga é ampla (aberta), tendo calhas laterais e ilhargas de fixação.

Ler Mais

Ficha Técnica

Caracteristicas

NISSAN NAVARA

N-GUARD 2.3 dCi

Motor
Arquitetura 4 cilindros em linha
Capacidade 2298 cc
Alimentação Inj. direta CR, TGV, Intercooler
Distribuição 2 a.c.c./16v
Potência 190 cv/3750 rpm
Binário 450 Nm/1500-2500 rpm
Transmissão
Tração Traseira, 4x4 inserível
Caixa de velocidades Manual de 6 velocidades
Chassis
Suspensão F Ind. McPherson
Suspensão T Ind. multibraços
Travões F/T Discos ventilados/tambores
Direção/Diâmetro de viragem Eletrohidráulica/12,4 m
Dimensões e Capacidades
Compr./Largura/Altura 5,330/1,850/1,810 m
Distância entre eixos 3,15m
Mala -
Depósito de combustível 73 litros
Pneus F 7jx18 - 255/60 R18
Pneus T 7jx18 - 255/60 R18
Peso 2038 kg
Relação peso/potência 10,71 kg/cv
Prestações e consumos oficiais
Vel. máxima 184 km/h
Acel. 0-100 km/h 10,8 s
Consumo médio 6,3 l/100 km
Emissões de CO2 167 g/km
Garantias/Manutenção
Mecânica 5 anos ou 160.000 km
Pintura/Corrosão 3/12 anos
Intervalos entre revisões 30000 km
Imposto de circulação (IUC) 32,42 €

Medições

NISSAN

Acelerações
0-50 km/h 4,3 s
0-100 / 130 km/h 11,7 s
0-400 / 0-1000 m 18,3 s
Recuperações
40-80 km/h 3.ª 6,4 s
60-100 km/h 3.ª/4.ª/5.ª 6,7/7,9 s
80-120 km/h 4.ª/5.ª/6.ª 8,9/10,1 s
Travagem
100-0/50-0km/h 40,9/10,3 m
Consumos
Consumo médio 7,8 l/100km
Autonomia 935 km

Conte-nos a sua opinião 0

TESTE