Mercedes também ganha na Fórmula E

Belga Stoffel Vandoorne vence ronda quatro do Mundial de Fórmula E, segunda do fim de semana em Roma. António Félix da Costa 7.º, depois de arrancar de 15.º

Automobilismo

Por José Caetano 11-04-2021 14:17

A marca alemã não ganha corridas apenas na Fórmula 1, que domina desde 2014. No segundo ePrix da segunda etapa do primeiro Mundial de Fórmula E, em Roma, Itália, no Circuito Citadino dell’EUR, vitória de Stoffel Vandoorne, da Mercedes-EQ, escuderia que somou o segundo triunfo em quatro corridas na Época 7 do campeonato de monolugares elétricos. O belga, que também é piloto de testes da heptacampeã Mercedes-AMG, ganhou pela segunda vez na categoria e ‘acelerou’ para 4.º na classificação, a 10 pontos de Sam Bird, da Jaguar, que abandonou a corrida após uma colisão.

 

O campeão em título da Fórmula E, António Félix da Costa, não conseguiu melhor do que uma 15.ª posição na sessão de qualificação, realizada com a pista molhada (o neozelandês Nick Cassidy, da Virgin, garantiu a ‘pole position’), mas exibiu-se muito melhor na corrida, a segunda do português aos comandos da versão nova do DS Techeetah (E-TENSE FE21), monolugar que a equipa estreou em Roma, acabando em 7.º e somando mais seis pontos para as ‘contas’ de campeonato que tem os próximos dois ePrix programados para o fim de semana de 24 e 25 de abril, no Circuito Ricardo Tormo, em Valência, Espanha.

 

Classificação

1.º Stoffel Vandoorne, Mercedes-EQ, 23 voltas

2.º Alexander Sims, Mahindra, +0,666 s

3.º Pascal Wehrlein, Porsche, +2,346 s

4.º Edoardo Mortara, Venturi, +5,018 s

5.º Maximilian Günther, BMW i, +5,305 s

6.º Mitch Evans, Jaguar, +5,671 s

7.º António Félix da Costa, DS Techeetah, +6,133 s

8.º Sébastien Buemi, Nissan, +9,795 s

9.º Tom Blomqvist, NIO 333, +12,032 s

10.º Nico Müller, Dragon/Penske, +12,872 s

11.º Jean-Éric Vergne, DS Techeetah, +15,676 s

12.º Sérgio Sette Câmara, Dragon/Penske, +16,009 s

13.º Jane Dennis, BMW I, +16,352 s

14.º Oliver Turvey, NIO 333, +17,134 s

15.º André Lotterer, Porsche, +17,838 s

16.º Oliver Rowland, Nissan, +21,140 s

17.º Robin Frijns, Virgin, +43,103 s

Desclassificações

Norman Nato, Venturi

Abandonos

Sam Bird, Jaguar

Nyck de Vries, Mercedes-EQ

Nyck Cassidy, Virgin

René Rast, Audi

Lucas di Grassi, Audi,

 

Mundial de Pilotos (‘top-10’)

1.º Sam Bird, 43 pontos

2.º Mitch Evans, 39 pontos

3.º Robin Frijns, 34 pontos

4.º Stoffel Vandoorne, 33 pontos

5.º Nyck de Vries, 32 pontos

6.º Pascal Wehrlein, 32 pontos

7.º Edoardo Mortara, 30 pontos

8.º Jean-Éric Vergne, 25 pontos

9.º Alexander Sims, 24 pontos

10.º António Félix da Costa, 21 pontos

 

Mundial de Equipas (‘top-5’)

1.º Jaguar, 82 pontos

2.º Mercedes-EQ, 65 pontos

3.º DS Techeetah, 46 pontos

4.º Virgin, 37 pontos

5.º Porsche, 32 pontos

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Automobilismo