«Correr em casa é um privilégio. Estou ansioso»

Moto GP

Por Miguel Candeias 07-04-2021 09:44

Fotos: D.R.

«Que no Grande Prémio de Portugal corra tudo pelo melhor. Correr em casa é um privilégio e estou ansioso. Tal como no ano passado, quero chegar com uma vontade enorme de fazer bem, muita motivação e que o trabalho seja bem feito - que nada falhe desta vez - e tenhamos um grande prémio em que possa fazer disfrutar os fãs portugueses», ambicionou Miguel Oliveira sobre a terceira e próxima prova do Mundial de MotoGP (18 de abril), cinco meses após ter ganho em Portimão, na apresentação, via internet, da Miguel Oliveira Fan Club Racing Team 2021.

O piloto da Red Bull KTM e o pai, Paulo, mantêm a aposta nos escalões de formação, só que, para lá da experiência Oliveira Cup, neste momento limitada devido à pandemia, dão um passo em frente. A MOFC Racing Team juntará quatro portugueses e um espanhol, entre os 11 e 14 anos, numa equipa com 16 membros, para lutar nos nacionais dos dois países, como aconteceu na progressão de Miguel. «A ideia é vir a colocar pilotos no campeonato do mundo, conseguirmos encontrar o próximo Miguel Oliveira. Temos potencial e talento, mas por vezes este precisa de oportunidades», revelou Paulo Oliveira, prometendo novidades para a próxima época, que  «serão uma surpresa para os portugueses».
 

Leia o artigo completo na edição impressa ou digital de A BOLA.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 1

sempSLB
07-04-2021 17:32

Força Miguel, cá te esperamos para te ver correr e se possível venceres cá em casa...! Naquele circuito, que nalguns sítios é uma montanha russa, Oliveira já provou a sua capacidade. Oxalá corra bem e nos dê + uma alegria.

Moto GP