VW Golf R com 320 cv arranca nos 56.780 euros

O Golf mais potente alguma vez fabricado pela VW estreia sistema de tração integral 4MOTION com vetorização de binário R-Performance no eixo traseiro. Modos de condução "Special" e "Drift" em opção.

Atualidade

Por VM 06-04-2021 09:14

Com 320 cv, o novo Golf R não é apenas o mais potente da história, mas também o mais dotado tecnicamente. É o primeiro Volkswagen a ser lançado com o novo sistema de tração integral 4MOTION com vetorização de binário R-Performance, para atitude ainda mais racing. “O nosso objetivo com o Golf R era tornar as suas características de condução o mais neutras possível. Em outras palavras, queremos garantir que as reações de subviragem a sobreviragem sejam controladas da forma mais simples possível, em todos os momentos”, explicou Jonas Thielebein, engenheiro responsável pelo compacto alemão de referência.

Enquanto o eixo traseiro convencional distribui o binário numa proporção 50/50, o diferencial com vetorização de binário, equipado com duas embraiagens multidiscos, possibilita até 100% do binário na roda do lado de fora da curva. Isso permite aumentar significativamente a agilidade do Golf R em curvas. “O controlo seletivo de binário nas rodas permite que o condutor leve o carro a novos limites. Mesmo em altas velocidades, o comportamento do veículo permanece o mais neutro possível”, acrescentou.

320 CV e 420 Nm

Partindo de um máximo de 333 cv que a VW conseguiu extrair do motor de 2 litros (EA888 de quarta geração; evo4), procedeu-se ao “abate” de 13 cv, pela adoção de um filtro de partículas para controlo das emissões. Assim, no novo Golf R, 320 cv e 420 Nm, que permitem acelerar de 0 a 100 km/h em 4,6 segundos. A velocidade máxima está limitada eletronicamente a 250 km/h, mas os modelos equipados com pacote R-Performance, em opção, chegam aos 270 km/h.

Este pacote também inclui um maior spoiler traseiro, para um “downforce” extra neste eixo, jantes de 19 polegadas com design Estoril e dois perfis de condução adicionais: “Special” (modo Nürburgring) e “Drift”. A seleção do perfil de condução pode ser rapidamente acedida, pressionando levemente o botão R no volante.

Dois perfis de condução para um máximo desempenho Longe de estradas públicas, o modo Drift abre caminho a um novo nível de dinâmica de condução e explora ainda mais o potencial da vetorização de binário, tornando o veículo o mais neutro possível; o binário máximo possível neste modo está disponível na roda localizada na parte exterior da curva. O controlo de estabilidade (ESC) no modo Drift é definido, de série, como "Sport", o que significa que os componentes eletrónicos de controlo do Golf R entram em ação num estágio muito avançado. Ou seja, são alterados os parâmetros do ESC e a forma como é distribuída a força pelos dois eixos. No entanto, “drifts” reais também são possíveis: o ESC só precisa ser desligado.

O preço em Portugal começa em 56.780 euros.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade