Jeep Compass novo a partir de 27.750 €

Atualidade

Por Auto Foco 16-05-2020 18:28

A Jeep iniciou o processo de encomendas para o Compass novo, automóvel que a marca norte-americana do consórcio Fiat Chrysler Automobiles (FCA) produz em Itália, na fábrica de Melfi. O compacto tem lançamento em Portugal marcado para o próximo mês, com preços a partir de 27.750 €

 

Nesta atualização da 2.ª geração do compacto, no mercado europeu desde 2017, a Jeep estreia motor 1.3 Turbo a gasolina, disponível em duas variantes (130 e 150 cv), Na mecânica mais potente do Compass com tração dianteira, outra novidade: caixa automática de 6 velocidades, de embraiagem dupla (DDCT). Também pela primeira vez, o modelo dispõe de programa Sport que melhora a dinâmica na condução. Esta função ativa-se em comando específico e torna a direção mais dura, aumenta a rapidez de resposta da mecânica ao pedal do acelerador e adapta o comportamento da transmissão, de forma a garantir mais potência e binário. Simultaneamente, a função de movimento por inércia é bloqueada e entra em ação o ‘fast-off’ (libertando-se o acelerador, evita-se a mudança para uma relação de caixa acima, ação que maximiza o travão motor e otimiza a rapidez de resposta na aceleração seguinte)

 

A Jeep não renuncia aos motores a gasóleo no Compass, propondo na gama-2020 uma versão muito otimizada do 1.6 Multijet II com 120 cv. Com esta mecânica, caixa manual de 6 velocidades e tração dianteira. No catálogo do compacto da Jeep, quatro níveis de equipamento (Sport, Longitude, Limited e S), todos com mais e melhores conteúdos tecnológicos, principalmente ao nível da conectividade.

 

No segundo semestre de 2020, lançamento do Compass 4xe. Neste híbrido com tecnologia de recarregamento externo das baterias (Plug-In), 1.3 Turbo de 190 cv e motor elétrico de 60 cv alimentado por bateria de iões de lítio com 11,4 kWh de capacidade. De acordo com Jeep, o sistema disponibiliza 240 cv e permite até 50 km de condução em modo elétrico, sem gases de escape, o que explica os números reivindicados para as médias do consumo e das emissões de CO2: respetivamente, 2,3 l/100 km e 53 g/km. As ‘performances’ também impressionam, com arranque 0 a 100 km/h em 7 segundos e velocidade máxima de 200 km/h.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade