Fórmula E: Bird à frente de Porsche e Mercedes

Automobilismo

Por José Caetano, em Diriyah (Arábia Saudita) 22-11-2019 14:16

Fotos: D.R.

Sam Bird, da Envision Virgin Racing, equipa fornecida pela Audi, ganhou o primeiro ePrix da época 6 da Fórmula E, no circuito citadino de Diriyah, subúrbio de Riade, na Arábia Saudita. O britânico conseguiu a 9.ª vitória da carreira no campeonato, tornando-se o terceiro piloto mais bem-sucedido na categoria, atrás de Sébastien Buemi (13) e Lucas di Grassi (10).

Bird arrancou da 5.ª posição da grelha de partida, mas a gestão ótima da energia e dos tempos de ativação dos dois Modos de Ataque, programas que geram potência extra e são de utilização obrigatória, ‘transportou-o’ até à 1.ª posição, que garantiu apenas no último terço da corrida. O britânico realizou 43 voltas à pista com 2,49 km e 21 curvas. «Início de campeonato incrível, mas não há tempo para comemorar… Amanhã, temos mais pontos para ganhar», disse o piloto de 32 anos, na Fórmula E desde 2014-15.

No primeiro ePrix na Fórmula, Porsche e Mercedes-Benz EQ, as equipas estreantes em 2019-20, terminaram no pódio. A primeira conseguiu-o com o alemão André Lotterer. O ex-DS Techeetah continua sem ganhar na categoria, mas tem cinco pódios (e quatro segundas posições!) no currículo. A segunda garantiu-o com o ex-F1 (McLaren) Stoffel Vandoorne.

António Félix da Costa iniciou a corrida na 21.ª posição e terminou-a na 14.ª posição, fora dos pontos. Como o bicampeão Jean-Éric Vergne abandonou, a DS Techeetah, a equipa que venceu a Época 5, não somou pontos na corrida inaugural do campeonato. Amanhã, regresso à ação, com a segunda qualificação e a segunda corrida em Diriyah, – apenas duas etapas do campeonato têm dois ePrix: a primeira, na Arábia Saudita, e a 12.ª e última, em Londres, Inglaterra.

Classificação:

1.º Sam Bird, Envision Virgin Racing, 34 voltas

2.º André Lotterer, TAG Heuer Porsche, a 1,319 s

3.º Stoffel Vandoorne, Mercedes-Benz EQ, a 1,672 s

4.º Oliver Rowland, Nissan e.dams, a 1,944 s

5.º Robin Frijns, Envision Virgin Racing, a 3,983 s

6.º Nick de Vries, Mercedes-Benz EQ, a 4,560 s

7.º Edoardo Mortara, Rockit Venturi Racing, a 5,122 s

8.º Alexander Sims, BMW i Andretti Motorsport, a 5,715 s

9.º Jérôme d’Ambrosio, Mahindra Racing, a 6,628 s

10.º Mitch Evans, Panasonic Jaguar Racing, a 7,048 s

11.ª Pascal Wehrlein, Mahindra Racing, a 7,480 s

12.º Felipe Massa, Rokit Venturi Racing, a 8,166 s

13.º Lucas do Grassi, Audi Sport ABT Schaeffler, a 8,404 s

14.º António Félix da Costa, DS Techeetah, a 8,404 s

15.º Oliver Turvey, NIO 333, a 10,172 s

16.º James Calado, Panasonic Jaguar Racing, a 11,572 s

17.º Neel Jani, TAG Heuer Porsche, a 15,429 s

18.º Maximilian Günther, BMW I Andretti Motorsport, a 25,662 s

19.º Brendon Hartley, GEOX Dragon, a 42,219 s

20.º Ma Quin Hua, NIO 33, a 1 volta

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Automobilismo