Mazda MX-5 bate novo recorde e não é o de 'roadster' mais vendido de sempre

Atualidade

Por Auto Foco 25-09-2019 13:09

Conduzir um ‘roadster’ numa estrada de montanha, sinuosa e desafiante, é uma experiência fascinante para todos os entusiastas do automobilismo. Melhor ainda, se somar o maior número de curvas significar um recorde mundial. Foi o que Mazda conseguiu com o MX-5 de primeira geração.

Na noite de 17 de julho, o construtor japonês foi autorizado a tentar a façanha na estrada de montanha Kaunertal Pass, na Áustria, fechada ao trânsito mais de meio dia para o cumprimento da tentativa de estabelecer um novo recorde para o maior número de ganchos (curvas em forma de cotovelo) realizados por um automóvel em 12 horas.

Como se referiu, a veículo eleito foi um MX-5 Mk1, modificado pela equipa 'Mazda Garage' e conduzido pelos pilotos Cyndie Allemann, Jan Spieb, Niki Schelle e Stefan Novitzki.

Integrada nas comemorações dos 30 anos do MX-5, o roadster mais vendido de sempre, a iniciativa começou às 19h00, ao fim da tarde. 12 horas depois, às 7h00 da manhã do dia seguinte, o modelo clássico tinha efetuado 2900 curvas, mais de 1400 mais do que o recorde anterior, pulverizando-o.

Para o registo ser validado, cada gancho tem que medir entre 150 e 180 graus. Toda a prova foi registada através de GPS e sensores fotoelétricos instalados ao longo do percurso. Tudo conforme o regulamento, e o recorde pode ser certificado pelo "RID Rekord Institute" da Alemanha.

A Mazda não avançou as modificações técnicas realizadas no MX-5 recordista.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade