Alain Prost sobre Niki Lauda: «Perdemos um lorde»

Fórmula 1

Por Redação 21-05-2019 17:59

O antigo campeão francês Alain Prost reconheceu que a morte do ícone da Fórmula 1, Niki Lauda, deixou um imenso vazio na sua vida.

«Existem campeões, pilotos com palmarés, mas nós perdemos um lorde, que nunca se queixou de nada na sua vida, da sua condição ou do seu acidente. Estou desolado, triste e em choque. O que estou a sentir é muito mais forte do que poderia imaginar. Foram 40 anos da minha vida e alguém que representava muito para mim. Era o meu ídolo na juventude quando comecei no kart. Niki era o meu “nickname” no computador», afirmou Alan Prost, em declarações à «nextgen».

Niki Laudi morreu na noite de segunda-feira para terça-feira com 70 anos. É uma das maiores referências da Fórmula 1, tendo sido triplo campeão (1975, 1977 e 1984). A sua carreira ficou marcada pelo terrível acidente em Nürburgring a 1 de outubro de 1976.

Alain Prost rivalizou com Lauda na década de 80.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 2

sock13
21-05-2019 20:14

todo o meu respeito, recordo algumas corridas entre eles. os 2 seram sempre para mim históricos (entre outros,mas poucos)na F1.

a_fabrica
21-05-2019 18:55

Estranho, ainda há pouco tinha uma tarefa na Mercedes durante a corrida e no final comentaba a corrida na RTL alemã. Não deixou descansar os ouvidos.

Fórmula 1