RAV4 ganha híbrido Plug-In

O SUV da Toyota alarga agora os horizontes da vertente híbrida a uma solução PHEV, com carregamento externo da bateria. Associa motor térmico a duas unidades elétricas, totaliza 306 cv e é (mesmo!) capaz de percorrer os anunciados 75 km sem ligar o motor a gasolina.

Apresentação

Por Paulo Sérgio Cardoso 15:05

Aquele que é o SUV mais vendido no Mundo – já ultrapassou as 10 milhões de unidades transacionadas desde a primeira geração – está agora disponível em versão híbrida Plug-In, sendo o segundo modelo da gama Toyota a adotar tal solução, depois do Prius.

Na base técnica está a mecânica 2.5 a gasolina (embora mais potente, de 185 cv, e otimizada para o conceito PHEV) que já anima a versão híbrida convencional do RAV4, surgindo aqui associada a dois motores elétricos, um por eixo (182 cv à frente e 54 cv atrás), o que permite configurar uma solução de tração integral, o que representa acréscimo de versatilidade de utilização enquanto SUV. O rendimento máximo combinado atinge os 306 cv e 510 Nm de binário. O conjunto elétrico é alimentado por uma bateria de iões de lítio de 18,1 kWh de capacidade que demora 7h30 a carregar numa tomada doméstica, embora o carregador de bordo admita uma potência de até 6,6 kW – onde a bateria fica totalmente carregada em menos de 3 horas numa wallbox caseira ou num posto público.

A arquitetura técnica é gerida por quatro modos de propulsão (100% elétrico, híbrido, forçar o carregamento da bateria ou então uma gestão autónoma e otimizada via eletrónica do módulo híbrido) e pode ser explorada por intermédio de quatro modos de condução (Eco, Normal, Sport e Trail, com este último a forçar a ação da tração integral).

Neste primeiro contacto dinâmico, verificámos que, por defeito, o RAV4 Plug-In desperta sempre em modo EV e pode alcançar os 135 km/h sem ligar o motor a gasolina. E com autonomia elétrica homologada em ciclo WLTP de 75 km (com a Toyota a reivindicar 98 km se a condução for puramente em ambiente urbano), e desde que inicie a jornada com a bateria carregada, este SUV poderá cobrir a maioria das deslocações diárias sem ligar o motor 2.5 a gasolina. Nós usámo-lo num percurso de cerca de 70 km em que 50 dos quais foram em ritmo de autoestrada (ou seja, o pior cenário possível para a eficiência das propulsões elétricas) e o RAV4 percorreu 68 em modo puramente elétrico, feito interessante. O silêncio e o conforto a bordo são a tónica dominante, numa condução que se quer maioritariamente serena – esta versão não nasceu para grandes aventuras dinâmicas ou desportivas em curva, embora o conjunto motriz evidencie toda a sua potência nas acelerações.

O RAV4 é dos mais práticos e espaçosos SUV do seu segmento, tanto para ocupantes como para bagagens (520 litros). Por modernizar continua o grafismo e a navegabilidade (nem sempre intuitiva) das várias funções e ajustes permitidos quer através do painel de instrumentos digital (7’’), quer do monitor tátil de 9’’ colocado no topo do tablier e que centraliza o módulo multimédia. Destaque, ainda, para o circuito de ar condicionado com bomba de calor de modo a garantir o máximo conforto térmico no habitáculo mesmo quando o veículo circula apenas com propulsão elétrica e para o facto do RAV4 PHEV ser o primeiro modelo da Toyota a permitir controlo remoto de algumas funções do veículo através da aplicação MyT – caso da definição dos períodos de carregamento da bateria ou da pré climatização do habitáculo.
 

 
Gama e preços em Portugal TOYOTA RAV4 PLUG-IN
RAV4 PHEV Comfort 54.990 € (44.707 € s/IVA)
RAV4 PHEV Square Collection 57.690 € (46.902 € s/IVA)
RAV4 PHEV Premium 60.990 € (49.585 € s/IVA)
RAV4 PHEV Lounge 61.990 € (50.398 € s/IVA)

Esta solução PHEV do RAV4 está nitidamente direcionada para o mercado das empresas, desfrutando dos benefícios fiscais atualmente em vigor para veículos Plug-In, caso da dedução do IVA e taxa reduzida de tributação autónoma (17,5%). Em termos de custo de aquisição e desvalorização ao longo do tempo, a versão puramente híbrida continuará a ser mais interessante do ponto de vista do cliente particular.

Ler Mais

Ficha Técnica

Caracteristicas

TOYOTA RAV4

PLUG-IN

Motor térmico
Arquitetura 4 cilindros em linha
Capacidade 2487 cc
Alimentação Inj. direta e indireta
Distribuição 2 a.c.c./16 v
Potência 185 cv/6000 rpm
Binário 227 Nm/3200 rpm
Motor elétrico
Tipo -
Potência 182 cv (F) + 54 cv (T)
Binário 270 Nm (F) + 121 Nm (T)
Bateria Iões de lítio
Capacidade da bateria 18,1 kWh
Módulo Híbrido
Potência 306 cv
Binário 510 Nm
Transmissão
Tração Integral
Caixa de velocidades Automática, do tipo e-CVT
Chassis
Suspensão F Ind. McPherson
Suspensão T Ind. Duplos triângulos
Travões F/T Discos ventilados
Direção/Diâmetro de viragem Elétrica/11,1 m
Dimensões e Capacidades
Compr./Largura/Altura 4,600/1,855/1,685 m
Distância entre eixos 2,69m
Mala 520 litros
Depósito de combustível 55 litros
Pneus F 225/60 R18
Pneus T 225/60 R18
Peso 2055 kg
Relação peso/potência 6,7 kg/cv
Prestações e consumos oficiais
Vel. máxima 180 km/h
Acel. 0-100 km/h 6 s
Consumo médio 1 l/100 km
Emissões de CO2 22 g/km
Garantias/Manutenção
Mecânica 7 anos ou 160.000 km
Pintura/Corrosão -
Intervalos entre revisões 15000 km
Imposto de circulação (IUC) 204,81 €

Conte-nos a sua opinião 0

Apresentação